NOVA LUZ EM ESPERA FELIZ

Conto poético

Nova Luz em Espera feliz

  RESUMO

Este Conto, “Nova Luz em Espera feliz”, em suma, é uma história, um romance traduzida em esperança fé e convicção, algo que nos diz sempre que temos que acreditar nas possibilidades de maneira equilibrada, sobretudo nas nossas intuições, em nós mesmos. As amarras e narrativas do conto são relações que vão sendo construídas através dos diálogos, uma vereda que na maioria das vezes acontece de maneira tensa e conturbada, algo constante que faz sofrerem as personagens principais do romance. Não é fácil compreender os porquês. Dos encontros e desencontros vividos por elas, que de tempo em tempo, vão verbalizando os acontecimentos – momentos de solidão, angustia e sofrimento. Pois então! Uma cidade, que pode se dizer imaginaria, que na realidade nunca existiu. No entanto, no mundo imaginário podemos criar imagens, contos e poesias que permeiam as palavras criando novos caminhos. Nova Luz em Espera Feliz, significa o revelar de duas pessoas que desde criança o destino faz cruzar seus caminhos. Vou-me apresentar: Eu sou o Valdomiro Sorto de Mendonza, o narrador deste conto, sou filho de Marlone Sorto de Mendonza, a minha mãe, Graciana Marithely de Mendonza, e me vejo no dever de portar todos os episódios ocorrido neste romance. Quero mostrar o cotidiano, toda peleja diária das personagens que compõem este cenário que com certeza vão preconizar as cenas de um mundo adverso em que foram obrigadas a viver.  Quem são elas? Catarina e Daniel e eu na condição de narrador vou sempre procurar estar atento a tudo, a minha vontade é falar o que sei, momentos e instantes vividos pelas personagens. Apresentei-me e também falei um pouco de mim, que não vem o caso, mais por uma questão de informação. Voltado a trama como causa da desavença e disputa acirradas entre as duas famílias das quais já disse que faço parte, as discórdias pelas disputas políticas e pelo poder econômico que cada família exercia sobre a outra, em relação à cidade. Cenas que vai além do permitido causando desespero e muito constrangimento a gerações vindouras de ambas os lados, sacrificando pessoas sem que elas soubessem o porquê das coisas, elas vão viver nesse fogo cruzado de discórdia ódio e revanchismo. NO caos das desavenças sem procedência, de maneira incontrolável gerando muito conflito, Catarina e Daniel vão viver situações desagradáveis pagando alto preço das demandas e desavenças criadas pelos seus familiares que infelizmente vão fazer que eles comam o pão que o diabo amassou. Na vida como bem dizem… o destino vai se desenhando no sentido figurado das coisas, morrer se necessário for, por um sentimento chamado amor. Não tem como esquecer das tristes lembranças, podemos dizer que o tempo torna implacável sobre tudo que possamos ver ou imaginar. Ele traz e devolve os bons e os maus momentos da vida, sejam lá com quem for… A vida é feita de idas e vindas, nada é pra sempre, nada é permanente. Tem pessoas que nascem para cumprir certas incumbências na vida, no feito de mudar certos hábitos e conceitos errados por algumas pessoas criadas no passado, é por isso que elas sofrem – por acreditar e compartilhar suas convicções. Afinal, elas nascem e crescem motivadas pelo desejo de fazer a mudança que na maioria das vezes elas conseguem, porém pagando certo preço por isso, sofrem pelo ideal, mas  rompe … Acabam vencendo.

TONINHO ARIBATI